30/04/14

Modelos de Sling


Ring Sling: são carregadores feitos em tecido, possuem em média dois metros de comprimento por 90 centímetros de largura e em sua extremidade são costuradas duas argolas;

Pouch Sling: são carregadores de pano feito em tecido. Ele não possui argolas. É apenas uma faixa de tecido costurada. Dobra-se ao meio e coloca-se na diagonal, onde o bebê será encaixado;

Market sling: é uma variação do Pouch Sling, porém não precisa ser dobrado ao meio, apenas coloca-se na diagonal do tronco, sobre o ombro que a mãe desejar;

Mei tai: possui faixas largas e costuras reforçadas para distribuir adequadamente o peso do bebê sobre os dois ombros e não forçar as costas da mãe;

Wrap sling: é uma faixa de tecido comprida, de três a cinco metros, sem costura. O suporte para a criança é feito através das diferentes amarrações no corpo da mãe e ela encaixa o bebê nas posições apropriadas a idade, distribuindo o peso sobre os dois ou apenas um ombro, dependendo da amarração. É o único modelo que pode ser usado por prematuros.

Independente do modelo escolhido, a questão da segurança do Sling merece atenção, devendo ser verificada sempre a procedência do produto. A mãe que usa o Sling, antes de comprá-lo, deve verificar se o produto consegue suportar mesmo um bebê que vai se movimentar.